Seguidores

domingo, 9 de maio de 2010

25ª FEIRA DO LIVRO DE BENTO GONÇALVES

Todo escritor aprende muito quando conversa com o público, isso deveria parecer óbvio! Não sei se todo escritor sente uma forte emoção quando encontra-se com seus leitores. Eu sinto! Enormemente! É uma sensação de recompensa, de satisfação por ser útil, por ter contribuído para povoar o imaginário daquelas pessoas, de forma intensa, vibrante, envolvente. Volto desses encontros sempre com muita vontande de produzir, de fazer cada vez melhor o meu trabalho, cheio de idéias, mas também com um "vazio". Talvez um vazio criativo, um vazio de quem doou-se até a medula!Os encontros com o leitor são relações de troca, muita troca!

Nesta 25ª Feira do Livro de Bento Gonçalves, cuja palavra de ordem era "DEIXE-SE ENVOLVER", ministrei uma oficina "A arte de contar histórias" para os auxiliares de bibliotecas e mediadores de leitura, pela SMED. Participaram 35 professores. E foi muito divertido!





Professores do grupo da SMED


Professoras do "famoso" grupo da VANI

Quem resiste à alegria das crianças, cheias de vontade de perguntar, de tocar em você, de prolongar aquela emoção encontrada no livro? Estive, durante a Feira de Bento, em três escolas, pelo projeto "A FEIRA VAI À ESCOLA". As três escolas eram na zona rural. Adoro! Há um envolvimento muito maior nesses lugares. Pais, mães, comunidade, funcionários das escolas, que muitas vezes são pequenas, multi-seriadas, etc. É inesquecível um dia como esses!



Alunos da EEEF ÂNGELO CHIAMOLERA

Alunos, pais e professores da EEEF SÃO PEDRO


Livros para o ar! Em geral, os meus livros mais trabalhados nos últimos tempos têm sido "EMBURRADO" (editora Paulus) e "O VESTIDO" (Zit Editora).

Quando vamos em feiras de livros é que realmente ficamos sabendo de uma série de coisas, em relação à distribuição de nossos livros! Eu, que tenho 43 livros publicados, se tiver visto 7 títulos meus na Feira de Bento, foi muito. O que será que falta, interesse das livrarias e dos distribuidores? Na escola SÃO PEDRO aconteceu um fato inédito: todos os alunos tinham um livro meu para que eu autografasse! Maravilha, mas isso é coisa rara!

Outro fenômeno ligado a esses projetos de ida do escritor às escolas. Como são projetos Municipais, e provavelmente as Escolas recebam uma verba para compra de livros, devia-se estipular o número de exemplares de livros do autor que a escola deveria adquirir... Já vi escolas que compram um ou dois títulos e exemplares do autor. Os outros, elas pegam emprestado na Biblioteca Pública ou em outras escolas. E a verba dos livros? É gasta como?


Outra coisa pra se denunciar: professores, desconfiem de algumas distribuidoras. Às vezes quando as distribuidoras dizem que os livros de FULANO DE TAL estão esgotados, nem sempre é verdade. Vai ver que a compra que se queria fazer era pequena ou a editora não é distribuída por aquele distribuidor, ou o livro não é tão fácil de ser conseguido! A questão, quase sempre passa pelo "comércio". Se vai valer a pena, a venda, eles correm atrás!!!!

E nós, escritores, ficamos à mercê dessas questões, que muitas vezes impedem um livro de circular pelo país.

Na feira de Bento tive sempre muitas surpresas agradáveis, carinhosas, estimulantes. Quero aproveitar para agradecer a minha amiga MARIA FERNANDA BACCA (será que escrevi o nome certo?) pelo belo trabalho que fez com o meu livro "O ENCANTADOR DE SERPENTES", da Editora Dimensão e ilustrações de Nélson Cruz. O tapete que ela criou para contar a história, junto com os bonecos (o menino e as duas cobras) são maravilhosos. Depois de muito usá-los, agora ela me deu de presente. Presente inesquecível, presente que certamente engrandece a história que criei. Agora sou eu quem vai utilizá-lo! E que compromisso corresponder à beleza da obra de arte da Fernanda! Obrigado Bento Gonçalves!


Tapete para contar a história do livro O ENCANTADOR DE SERPETES




3 comentários:

25ª Feira do Livro de Bento Gonçalves disse...

Oi, Celso.....que legal seus comentários sobre a feira de Bento Gonçalves. Vc. sabe que procuramos fazer tudo com o maior carinho,principalmente para que os escritores,livros e leitores possam se encontrar e se "encantar".
Grande bj

amorpelaeducação disse...

Oi Celso...sabe que hj acabei lendo no seu blog o que vc postou sobre a nossa Escola e ver a carinha dos meus peqeunos com seus livros me deixou muito feliz!!!! Pode ter certeza de que sua marca ficou em nossa escola....e o Emburrado realmente é o livro preferido deles!!!!esperamos vc na próxima feira do livro, esse ano sentimos sua falta!!!!abraço
Graziele

celso sisto disse...

Graziele,
Sempre adoro ir à Feira do Livro de Bento Gonçalves! Tomara que me chamem no próximo ano! Obrigado pelo carinho. Tenho vários livros novos... Seus alunos iriam gostar... CHÁ DAS DEZ; QUE ALEGRIA!; BICHO-PAPAI... São bem a cara dos pequenos. Dê uma olhada neles no meu site: www.celsosisto.com
Abração,
Celso Sisto