Seguidores

segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

A COMPOTEIRA - LIVRO NOVO - FEVEREIRO 2011

Cada vez que sai um livro o nosso coração acelera!
Essa emoção é sempre indescritível! E é sempre grande!
Nós, que amamos os livros, ficamos sempre encantados com o cheiro do papel, a textura da página, o verniz da capa, o brilho das cores impressas, a quarta capa, cada um dos detalhes que fazem um livro ser único!
Ainda sinto a mesma emoção que senti quando lancei o meu primeiro livro!
Esse é o 48º. E tenho trabalhado duro, muito, ininterruptamente!
Escrever é um ofício permanente, diário, super solitário.
Mas depois que o livro está pronto, impresso, na mão do leitor, despertando tantas emoções e carinhos como tenho recebido por esse livro (e outros ), todo o trabalho árduo fica recompensado!
A sinopse da quarta capa do livro diz:

"Nesta belíssima história, Celso Sisto narra a deliciosa lembrança de uma senhora de 82 anos: "As Tias iam chegando e as compoteiras iam se multiplicando. Todas elas traziam uma compoteira com seu doce preferido, quer dizer, com os doces preferidos da aniversariante: mamão verde fininho, doce de queijo, doce de cidra, cocada mole... Hum!" A festa da avó de uma amiga de infância tornou-se um evento único na memória da menina, que carregou para o resto da vida o encantamento que aquele dia despertou em seu coração.
SISTO, Celso. A compoteira. Ilustrações de Bebel Callage. São Paulo, Editora Prumo, 2011. 32 páginas.