Seguidores

segunda-feira, 31 de dezembro de 2012

DA SÉRIE "ALGUMA COISA ACONTECE" - 69




Texto Celso Sisto; foto do Arquivo Nacional (USA), domínio público.


69. Não estou pronto. Não estarei. Ouço o sino ao longe e me curvo, profundamente, para sondar a reverberação da vida em mim, e o bronze lustroso anuncia: quem sabe dos silêncios são as formigas! Enquanto me esparramo na terra, corpo e carne, ouço mais uma vez a longa sinfonia... Dias em que cantam as pequenas coisas, as cores, as flores, o sol... Aviso: nunca mais deixarei de ouvir as pedras!

30.12.2012


Nenhum comentário: